Conhecer as Plantas

JARDINS DOENÇAS DE PLANTAS JARDINAGEM CURSOS SOBRE PLANTAS ORQUÍDEAS E PLANTAS DE INTERIOR FLORES COMESTÍVEIS E AROMÁTICAS ACUPUNTURA VEGETAL FITOPATOLOGIA
 
InícioRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 O BENEFÍCIO DO ANÍS

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
vale

avatar

Mensagens : 399
Data de inscrição : 14/01/2010
Idade : 51
Localização : Maia

MensagemAssunto: O BENEFÍCIO DO ANÍS   Qua Mar 27, 2013 8:23 pm

Benefícios de saúde do Anis

Os bene­fí­cios de saúde do óleo de anis podem ser atribuí­dos às suas pro­priedades anti-epilépticas e anti-histéricas, anti-reumáticas, anti-sépticas, anti-espasmódicas, lax­antes, carmi­na­ti­vas, cor­diais, descon­ges­tio­nantes, diges­ti­vas, expec­to­rantes, inseti­ci­das, estim­u­lantes, seda­ti­vas e vermífugas.

O óleo essen­cial de anis é extraído por des­ti­lação a vapor dos fru­tos secos do anis, ou Pimpinella anisum, como é con­hecido na ter­mi­nolo­gia botânica, que pro­duz um óleo fino e claro do qual o ane­tol é o con­sti­tu­inte prin­ci­pal, pre­sente em cerca de 90 por cento do mesmo e é respon­sável pelo seu aroma car­ac­terís­tico. Os out­ros com­po­nentes são alfa pineno, anisalde­hyde, beta pineno, can­feno, linalol, cis e trans-anetol, safrol e ace­toanisol. Desde há muito, o anis tem sido usado como um agente arom­a­ti­zante para ali­men­tos e uma espe­cia­ria para ani­mais e bebidas. Tam­bém é empre­gado para arom­a­ti­zar licores. Na Índia e noutros países, o anis tam­bém é usado como um elixir bocal e um agente diges­tivo. As pro­priedades med­i­c­i­nais desta erva são con­heci­das há muito tempo no antigo Egipto, Gré­cia e Roma.

Vamos ver o que os anti­gos sabiam sobre o anis e que pro­priedades med­i­c­i­nais desco­b­ri­mos até agora:

Anti-epiléptico e anti-histérico:

Como o óleo de anis tem um efeito nar­cótico e seda­tivo, pode acal­mar os ataques epilép­ti­cos e histéri­cos por abran­dar a res­pi­ração, a cir­cu­lação e os ner­vos, se admin­istrado em doses ele­vadas (isto é con­trário às suas pro­priedades estim­u­lantes e cor­diais, que se apre­sen­tam quando admin­istrado em doses mais baixas). É um seda­tivo efi­caz em crises ner­vosas, hiper-reações e con­vul­sões. Esta pro­priedade era con­hecida e estava em uso há muito tempo. Mas deve ser usada com pre­caução porque em doses ele­vadas pode ter efeitos adver­sos, par­tic­u­lar­mente nas crianças.

Anti-reumático:

Este óleo pode dar alívio a dores reumáti­cas e artríti­cas por estim­u­lar a cir­cu­lação san­guínea e tam­bém reduzir a sen­sação de dor nas áreas afetadas.

Anti-séptico:

Este óleo essen­cial tam­bém tem pro­priedades anti-sépticas e é efi­caz na pro­tecção de feri­das con­tra as infecções e de se tornarem sép­ti­cas. Isso ajuda a ráp­ida cica­triza­ção das feridas.

Anti-espasmódico:

As situ­ações ou doenças cau­sadas por espas­mos são cóli­cas, tosse, dores, diar­reia, prob­le­mas ner­vosos e con­vul­sões. O espasmo é uma con­tração exces­siva das vias res­pi­ratórias, mús­cu­los, ner­vos, vasos san­guí­neos e órgãos inter­nos, resul­tando em tosse sev­era, cãi­bras, con­vul­sões, obstrução das veias, dores no estô­mago e no peito e out­ros sin­tomas. O óleo essen­cial de anis, sendo um relax­ante e um anti-espasmódico por natureza, relaxa essas con­tracções e alivia as doenças men­cionadas acima.

Lax­ante:

Este óleo tem leves pro­priedades purga­ti­vas e é seguro de usar tam­bém. Ao con­trário de out­ros pur­gantes sin­téti­cos ou pesa­dos, não é agres­sivo para o estô­mago e o fígado e não o deixa exausto e cansado. Este, tomado em doses baixas, ajuda a superar cóli­cas, cura a obsti­pação e con­se­quente a flat­ulên­cia, a indi­gestão, etc.

Carmi­na­tivo:

Somente aque­les que sofrem de gases sabem que é um alívio livrar-se deles. Sofrer de gases não tem graça nen­huma. É uma doença muito grave e deve ser tratada a tempo. Os gases dão origem a indi­gestão, flat­ulên­cia, dor torá­cica aguda, dores no estô­mago, cóli­cas e dores mus­cu­lares, reuma­tismo, a longo prazo ganho de peso, hiperten­são e até mesmo prob­le­mas como a perda de cabelo e a redução da visão, se a doença se tornar crónica. O óleo essen­cial de anis pro­move a remoção de gases e sendo um diges­tivo, não os deixa for­mar tam­bém, pois a indi­gestão é a causa para os gases.

Cor­dial:

O efeito de aque­c­i­mento do óleo nos sis­temas res­pi­ratório e cir­cu­latório torna-o um cor­dial. Esta pro­priedade ajuda a com­bater o frio, a deposição de catarro e prob­le­mas como reuma­tismo e artrite .

Descon­ges­tio­nante:

Este óleo de anis é muito efi­caz na limpeza do con­ges­tion­a­mento nos pul­mões e vias res­pi­ratórias, em doenças como a asma, a bron­quite, etc.

Diges­tivo:

Esta pro­priedade do anis e do óleo de anis é muito usada ​​para pro­mover a digestão. Tem sido uma antiga prática masti­gar sementes de anis ou servir sobreme­sas con­tendo anis ou tomar um copo de água morna com algu­mas gotas do óleo essen­cial de anis diluí­das para aju­dar a digestão, prin­ci­pal­mente após uma refeição pesada ou uma festa.

Expec­to­rante:

Este óleo é real­mente notável como um expec­to­rante e deve-se a esta pro­priedade uma grande parte da sua rep­utação. Alivia a tosse con­vulsa ou o catarro deposi­tado nos pul­mões e nas vias res­pi­ratórias, tosse no peito, prob­le­mas de res­pi­ração, asma, bron­quite, con­gestão e out­ros dis­túr­bios res­pi­ratórios. Dev­ido à pre­sença de óleo essen­cial nas sementes de anis, as sementes são usadas para fumar com a final­i­dade de soltar o catarro ou a expectoração.

Inseti­cida:

O óleo Essen­cial de anis é tóx­ico para inse­tos e pequenos ani­mais e, por­tanto, o seu cheiro afasta os inse­tos. Assim, este óleo pode ser empre­gado como inseti­cida, usando em fumi­gantes, vapour­izadores, sprays, etc

Seda­tivo:

Dev­ido aos seus efeitos um pouco entor­pe­centes ou nar­cótico, ele é usado como um seda­tivo para a ansiedade , prob­le­mas ner­vosos, depressão, raiva, stress e tam­bém para os sin­tomas como a insô­nia, dev­ido aos seus efeitos tran­quil­izante e relax­ante. Este efeito é par­tic­u­lar­mente visível quando usado em doses mais ele­vadas, uma vez que em doses muito peque­nas, ele age como um estim­u­lante. Mas o máx­imo cuidado deve ser tomado durante a admin­is­tração em altas doses, aten­dendo aos seus efeitos narcóticos.

Estim­u­lante:

A pro­priedade estim­u­lante do óleo de anis pode beneficiar-nos das seguintes for­mas. Pode estim­u­lar a cir­cu­lação e aliviar o reuma­tismo e a artrite, estim­u­lam a secreção de enz­i­mas e hor­monas e, por­tanto, todo o metab­o­lismo e, final­mente, pode estim­u­lar o sis­tema ner­voso e o cére­bro, tornando-nos mais ativos e despertos.

Ver­mífugo:

Este é mais um aspecto da sua pro­priedade inseti­cida. Pode matar os ver­mes nos intesti­nos. Esta pro­priedade pode ser espe­cial­mente bené­fica para as crianças.

Out­ros Bene­fí­cios:

Pode ser usado para tratar cóli­cas, flat­ulên­cia, afecções peitorais, etc.

Algu­mas palavras de pre­caução:

Em doses ele­vadas, tem efeitos nar­cóti­cos, retarda a res­pi­ração e a cir­cu­lação. É venenoso para cer­tos pequenos ani­mais e aves e, por­tanto, as cri­anças não devem tomar doses ele­vadas. Além disso, pode causar irri­tação a cer­tos tipos de pele. É mel­hor evi­tar durante a gravidez. Além disso, tam­bém pode agravar cer­tos tipos de cânceres cau­sa­dos pela hor­mona estrogênio
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O BENEFÍCIO DO ANÍS
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» ajuda com escolha do substrato fertil
» O Uso de Pimenta na Alimentação de Aves.
» Os Probióticos "Em benefício da vida das aves".
» VAMOS FALAR SOBRE O AÇÚCAR DE UVA ?
» PARA QUE SERVE A CASCA DE OVO PARA COLEIROS ?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Conhecer as Plantas :: ERVAS MEDICINAIS-
Ir para: